Comentários sobre a manchete:     Comentar
Milícias dominam 57% da área do Rio, aponta estudo