CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Em um ano, Bolsonaro exclui 1 milhão de famílias do Bolsa Família

Segundo ex-ministra Tereza Campello, são 13 milhões de famílias beneficiadas - mesma cobertura de 2010, quando havia metade do desemprego atual

10/01/20, 13:34

E
m um ano, o governo de Jair Bolsonaro excluiu do programa Bolsa Família um milhão de famílias. No primeiro semestre de 2019 eram 14,3 milhões de famílias, número que caiu para 13,5 milhões em setembro. A expulsão dessas famílias ocorreu no mesmo período em que a situação econômica do país caminhou ainda mais para trás e a vulnerabilidade social aumentou.

“Em 2019 voltamos ao patamar de nove anos atrás, de 2010. Só que hoje a economia vai mal, o desemprego é o dobro do que era há 9 anos, com muita precarização. Nesse cenário, um milhão de famílias que se enquadram nos requisitos do programa estão fora, tentando entrar, mas o programa está congelado”, afirma a ex-ministra do Desenvolvimento Social no governo de Dilma Rousseff (PT), a economista Tereza Campello.

Na sua avaliação, com as mudanças anunciadas ontem (8), o governo pretende é aumentar a exclusão de famílias. “Excluir ainda mais a população cada vez mais empobrecida, que está sem trabalho, fazendo bico, com a comida mais cara. Estamos falando de tirar dessas famílias R$ 190, o que faz muita falta. O que esse governo precisa é criar empregos”.

A ex-ministra chama a atenção também para o fim de políticas articuladas com o Bolsa Família, como o Programa de Aquisição de Alimentos, para construção de cisternas e o Pronatec, que permitiam a emancipação de muitas famílias.

“No comando do Bolsa Família desde o governo de Michel Temer, o ministro Osmar Terra falou diversas vezes que havia zerado a fila de ingresso no programa, porém sem mostrar os números. Mas o que se sabe é que a porta está fechada para um milhão de famílias”, ressaltou.

Fome Zero

Em 9 de  janeiro de 2004, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei nº 10.836/2004, que criou o Bolsa Família – maior programa de transferência de renda do mundo. O programa é resultado de debates com sociedade civil, ativistas e especialistas, a partir da experiência do programa Fome Zero.

Até o final de 2014, foram atendidas 14 milhões de famílias, o que permitiu retirar da miséria 36 milhões de pessoas. Em 2014, foram inseridos no mercado de trabalho 75% dos beneficiados, e 1,69 milhão de famílias procuraram voluntariamente os centros de referência em assistência social para abrir mão do benefício, pois já teriam elevado sua renda.

Fonte: JL/RBA
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
17/02/20, 07:27 | BENEFÍCIOS - Novas profissões passam a ter direito a Aposentadoria Especial no INSS
16/02/20, 20:52 | INTERNACIONAL - Papa Francisco diz a Lula estar feliz por “vê-lo andando pelas ruas”
16/02/20, 20:27 | SAÚDE - Cai para três número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil
16/02/20, 20:22 | POLÍTICA - “Bolsonaro sabe que sairá da política algemado”, diz deputado
16/02/20, 19:59 | POLÍTICA - Pesquisa mostra que governo Bolsonaro piorou 58 áreas, como educação, saúde e social
16/02/20, 19:50 | PROTESTO - Na presença de Bolsonaro, Flamengo Antifascista ergue bandeira com rosto de Marielle
16/02/20, 15:46 | POLÊMICA - Os bastidores da operação que encontrou o miliciano assassinado amigo dos Bolsonaros na Bahia
16/02/20, 15:37 | INFORMATIZAÇÃO - Documento do carro terá só versão digital até junho de 2020
16/02/20, 15:06 | ARTIGO - Regra de Ouro e Constituição
16/02/20, 14:23 | POLÊMICA - EUA podem deportar Olavo de Carvalho a partir desta segunda-feira
16/02/20, 14:17 | ESPORTE - Irresistível, Flamengo inicia 2020 com título da Supercopa do Brasil
16/02/20, 14:11 | MOVIMENTO - Petroleiros em greve vendem botijão de gás a R$ 35 à população em Pernambuco
16/02/20, 13:39 | POLÍTICA - Flávio e Eduardo Bolsonaro criaram grupos de WhattsApp com mentiras contra jornalista
16/02/20, 08:13 | POLÍTICA - 'Eu não conheço a milícia no Rio de Janeiro', diz Bolsonaro
16/02/20, 07:32 | CRIME - Caso Marielle: Facebook fornece dados de 79 perfis para investigação
16/02/20, 07:49 | POLÍTICA - Após chamar Moro de 'juiz ladrão e 'capanga da malícia', Glauber Braga desafia ministro a abrir sigilo
16/02/20, 07:42 | OPINIÃO - Miriam Leitão: “Existe uma diferença entre governo ruim e ameaça à democracia, mas nós vivemos os dois”
16/02/20, 07:24 | POLÍTICA - Bolsonaro defende Adriano da Nóbrega e diz que miliciano era um “herói”
15/02/20, 16:43 | DECORO - Bolsonaro volta a dar ‘banana’ para jornalistas no plantão do Palácio
15/02/20, 16:23 | MOVIMENTO - Caminhoneiros declaram apoio total à greve de petroleiros e lançam campanha contra preço de combustível
15/02/20, 16:10 | POLÍTICA - Bolsonaro desmonta biblioteca do Planalto para criar gabinete para a esposa com banheiro privativo
15/02/20, 15:48 | POLÍTICA - Flávio Dino diz que faria campanha para Huck contra Bolsonaro
14/02/20, 20:42 | POLÊMICA - Governador da BA afirma que não sabia de operação que matou miliciano dos Bolsonaros
14/02/20, 20:34 | POLÍTICA - Ao retornar ao Brasil, Lula diz estar "mais animado para lutar por um país e mundo melhor"
14/02/20, 15:20 | PROJETO - Bolsonaro e Guedes agora querem privatizar as prefeituras do Brasil
14/02/20, 14:52 | DEMAGOGIA - Auxiliares de Paulo Guedes no ministério recebem supersalários; veja
14/02/20, 14:46 | POLÊMICA - Frente parlamentar se arma contra reforma que atingirá servidor público
14/02/20, 14:30 | ECONOMIA - Desemprego de jovens fica em 23,8% em 2019, mais que o dobro da média geral
14/02/20, 14:21 | FUTURO - Dieese: sem o Fundeb, 94% dos alunos da educação básica serão prejudicados
14/02/20, 13:54 | EDUCAÇÃO - Projeto Alfabetiza Teresina 2020 será lançado dia 18 de fevereiro
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site