CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Ricos debandaram e apoio de neobolsonaristas é frágil

"Jair Bolsonaro vai perdendo apoio entre os ricos e mais instruídos, que na maioria lhe deram seus votos no segundo turno de 2018, e ganhando entre os mais pobres, sobretudo mulheres – segmento que mais o rejeitava – por conta do pagamento do auxílio emergencial de R$ 600. Um processo de metamorfose eleitoral perigoso", diz Helena Chagas, do Jornalistas pela Democracia

29/06/20, 11:38

Por Helena Chagas, jornalista, foi ministra da Secom e integra o Jornalistas pela Democracia (foto)

-
Animais, como cobras, muitas vezes trocam de pele e saem novinhos do processo. Com políticos, é bem mais difícil. A última rodada do Datafolha confirma o que levantamentos anteriores começavam a apontar: Jair Bolsonaro vai perdendo apoio entre os ricos e mais instruídos, que na maioria lhe deram seus votos no segundo turno de 2018, e ganhando entre os mais pobres, sobretudo mulheres – segmento que mais o rejeitava – por conta do pagamento do auxílio emergencial de R$ 600. Um processo de metamorfose eleitoral perigoso.

Antes de tudo, porque a perda junto aos ricos que votaram nele parece irreversível. Os índices recordes de apoio à democracia (75%), contra a propagação de fake news sobre políticos e ministros do STF (81%) e de rejeição a manifestações de rua contra outros poderes (68%) relegam o discurso autoritário bolsonarista à minoria das minorias. Dificilmente esse público retornará, e os cruzamentos do Datafolha mostram que, entre os 32% que ainda mantém opinião de que o governo é bom ou ótimo, os mais radicais defensores do presidente que apóiam as práticas antidemocráticas e os feitos da ditadura militar são apenas 15%. Este seria o núcleo duro de Bolsonaro, os que estão com ele para o que der e vier.

Pelos cálculos do Datafolha, explicados em artigo dos diretores do instituto, Mauro Paulino e Alessandro Janoni, se dependesse apenas dos que votaram nele, Bolsonaro teria hoje cerca de 23% de avaliação positiva. Os restantes nove pontos percentuais de bom e ótimo estão vindo de um público novo, os beneficiários do auxílio emergencial – que não lhe deram seus votos em 2018.

O que isso quer dizer? Antes de tudo, que as oscilações mínimas na aprovação presidencial podem estar, como dizem Paulino e Janoni, “camuflando” a tendência de perda de apoio em grupos minoritários mas influentes, como os mais ricos e instruídos, com potencial de estrago maior para o presidente no futuro.

Quanto ao apoio dos mais necessitados, trata-se de uma tendência que, para ser mantida, depende de uma série de fatores, alguns deles fora do alcance de Bolsonaro. Ele pode até, como parece estar fazendo, trabalhar para manter o benefício por mais tempo. Mas a permanência do valor de R$ 600 para sempre está fora de todas as cogitações, pois não há dinheiro.

A tentativa de fazer mudanças no Bolsa Família para tentar compensar o fim do benefício é uma jogada arriscada. Além de o valor ser bem menor, o governo, com suas dificuldades de gestão no setor social, corre o risco de desmantelar um programa internacionalmente reconhecido e não conseguir colocar nada consistente no lugar, com reflexos imediatos em sua popularidade. 

Isso sem contar a tendência de deterioração ainda maior do quadro geral no pós-pandemia, com aumento do desemprego e piora nos indicadores sociais. É de se prever, portanto, uma debandada dos neobolsonaristas, sem o retorno dos velhos aliados – o pior dos mundos para Bolsonaro.

Fonte: JL
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
04/07/20, 18:26 | PANDEMIA - Órgãos estaduais do Piauí retornarão ao trabalho por etapas, dizem secretários
04/07/20, 17:46 | POLÍTICA - Maia: “Deltan deixou claro que a Lava Jato é um movimento político”
04/07/20, 17:43 | SAÚDE - “Novas pandemias virão”, alerta pesquisador da SBMT
04/07/20, 17:36 | PANDEMIA - Anvisa autoriza início de testes da vacina no DF e em 5 estados
04/07/20, 15:56 | ARTIGO - Prática e atitudes de Sergio Moro como juiz não enobrecem o direito
04/07/20, 15:14 | ESPORTE - Justiça determina e Globo vai transmitir semifinal do Campeonato Carioca
04/07/20, 15:11 | POLÍTICA - Dallagnol diz agora que acha que Bolsonaro usou Lava Jato como “estratégia de campanha política”
04/07/20, 14:38 | ARTIGO - Valores Humanos e Valores Morais
04/07/20, 13:37 | INTERNACIONAL - Prêmio Nobel da Paz, ex-presidente da Colômbia diz que política de Bolsonaro para a pandemia é “uma loucura”
04/07/20, 13:33 | REAÇÃO - Netos de Luiz Gonzaga emitem “nota de nojo” contra Bolsonaro
04/07/20, 13:28 | PANDEMIA - Atividades econômicas têm funcionamento restrito no final de semana em Teresina
03/07/20, 16:17 | INVESTIGAÇÃO - Em novo depoimento, Queiroz diz que esperava ser assessor de Flávio Bolsonaro no Senado
03/07/20, 16:09 | INVESTIGAÇÃO - Ministério bloqueia auxílio emergencial da esposa foragida de Queiroz
03/07/20, 15:38 | CORONAVÍRUS - Pandemia vai afetar todas as áreas da educação no país, diz Inep
03/07/20, 15:31 | ARTIGO - Argentina não tem medo de enquadrar seus generais
03/07/20, 15:19 | PANDEMIA - Suíça restringe visitantes do Brasil e de mais 28 países
03/07/20, 15:17 | INVESTIGAÇÃO - MP diz que esquema de propinas de Serra e filha era “sofisticado”
03/07/20, 15:09 | INVESTIGAÇÃO - Tucanos acham que denúncias contra Serra atingirão PSDB
03/07/20, 14:18 | INVESTIGAÇÃO - Queiroz tinha passos monitorados, diz amigo de ex-assessor de Flávio Bolsonaro
03/07/20, 14:13 | INVESTIGAÇÃO - Em reunião com delator da Odebrecht, José Serra chorou e pediu para ser poupado
03/07/20, 14:10 | PANDEMIA - Decreto regulamenta primeira fase da retomada da economia em Teresina
03/07/20, 11:16 | POLÍTICA - Senador do PSDB entra na lista dos políticos mais corruptos da história do Brasil
03/07/20, 11:12 | INVESTIGAÇÃO - Através de fraudes, Queiroz e sua mulher receberam R$ 376 mil em benefícios da Alerj
03/07/20, 10:19 | CORRUPÇÃO - Justiça bloqueia R$ 40 milhões em conta usada por Verônica, filha de José Serra, para receber propinas
03/07/20, 10:10 | CRIME - Investigação da “rachadinha” se volta a ex-mulher de Bolsonaro
03/07/20, 10:01 | POLÍTICA - Bolsonaro escolhe Renato Feder como novo ministro da Educação
03/07/20, 09:57 | INVESTIGAÇÃO - TCU quer lista de compras da Lava Jato de aparelhos de interceptação
03/07/20, 09:55 | INVESTIGAÇÃO - Serra recebeu mais de R$ 23 milhões da Odebrecht para liberar créditos junto à Dersa em 2009
03/07/20, 07:54 | INVESTIGAÇÃO - Após Queiroz depor, procurador diz estar convencido de que operação vazou
03/07/20, 07:46 | OPINIÃO PÚBLICA - PESQUISA DATAFOLHA: Só 15% dão apoio irrestrito a Bolsonaro
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site