CBN - A rádio que toca notícia

ESTATÍSTICA

IBGE: covid-19 afeta 38,6% das empresas na 1ª quinzena de agosto

“A cada quinzena aumenta a percepção de efeitos pequenos ou inexistentes ou positivos entre as empresas de maior porte”, disse, em nota, o coordenador de Pesquisas Conjunturais em Empresas do IBGE, Flávio Magheli

15/09/20, 12:50

D
os 3,2 milhões de empresas em funcionamento na primeira quinzena de agosto, 38,6% indicaram que a pandemia afetou negativamente suas atividades. Já para 33,9%, o efeito foi pequeno ou inexistente e para 27,5% o efeito foi positivo. Empresas de maior porte e intermediárias foram as que mais sinalizaram melhora de percepção.

Os resultados da quinta rodada da Pesquisa Pulso Empresa: impacto da covid-19 nas empresas, divulgados hoje (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), refletem as percepções das empresas em funcionamento ao final da primeira quinzena de agosto, frente à segunda quinzena de julho. A pesquisa acompanha os principais efeitos da pandemia do novo coronavírus sobre as empresas não financeiras.

Segundo o IBGE, a percepção de impacto negativo mantém-se e é maior entre as empresas de pequeno porte, de até 49 funcionários (38,8%), e melhora na percepção das empresas intermediárias (de 50 a 499 funcionários) e de maior porte (acima de 500 empregados), que indicaram maior incidência de efeitos pequenos ou inexistentes na quinzena – respectivamente 44,7% e 46,6%.

“A cada quinzena aumenta a percepção de efeitos pequenos ou inexistentes ou positivos entre as empresas de maior porte”, disse, em nota, o coordenador de Pesquisas Conjunturais em Empresas do IBGE, Flávio Magheli.

As empresas dos setores de construção (47,9%) e comércio (46,3%) reportaram as maiores incidências de efeitos negativos na quinzena. Por outro lado, no setor industrial, 38,9% relataram impactos pequenos ou inexistentes e, no setor de serviços, a incidência foi de 41,9%, com destaque para os segmentos de informação e comunicação (61,5%) e serviços profissionais e administrativos (45,6%).

Entre as grandes regiões, o Nordeste destaca-se pela menor incidência de efeitos negativos (20,4%), e a região é onde ocorre a maior percepção de impactos positivos, passando de 35,3% para 52%. Os maiores percentuais de impactos negativos foram no Sudeste (43,6%) e no Norte (41,9%), enquanto Sul (39,9%) e Centro-Oeste (39,8%) têm percepção semelhantes.

Segundo a pesquisa, a percepção de redução nas vendas afetou mais o comércio, que passou de 29,5% na segunda quinzena de julho para 44,5%, com destaque para o comércio varejista que subiu de 29,7% para 48,9%; seguidos por construção (36,2%), indústria (30,8%) e serviços (29,7%).

“Por setores, o comércio varejista e a atividade de construção são os mais afetados na quinzena. Dentre as regiões, o Nordeste destaca-se com 52% de efeitos positivos relacionados às medidas de flexibilização do isolamento. Já em relação às vendas, a percepção de redução atinge 36,1% das empresas, afetando principalmente o comércio varejista”, afirmou Magheli.

Empregos

Quase 9 em cada dez empresas (86,4%  ou cerca de 2,7 milhões de companhias) mantiveram o quadro de funcionários ao final da primeira quinzena de agosto em relação à quinzena anterior. Apenas 8,7% (277 mil empresas) indicaram redução no quadro, sendo que 146 mil (52,6%) diminuíram em até 25% seu pessoal, com destaque para as empresas de menor porte, onde 140 mil (51,6%) reduziram nessa faixa de corte.

A realização de campanhas de informação e prevenção e a adoção de medidas extras de higiene continuam sendo as principais iniciativas para enfrentar a pandemia, sendo adotadas por 92,9% das empresas.

Outros 32,3% de empresas adotaram o trabalho remoto e 15,3% anteciparam férias dos funcionários. Já 30,6% das empresas alteraram o método de entrega de seus produtos ou serviços, enquanto 13,2% lançaram ou passaram a comercializar novos produtos e/ou serviços na primeira quinzena de agosto.

O adiamento de pagamento de impostos foi adotado por 32% das companhias e o acesso à linha de crédito emergencial foi a medida tomada por 10,9% das empresas.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
26/09/20, 08:34 | POLÍTICA - Indicado por Bolsonaro ao STF pode herdar inquérito sobre interferência na PF
26/09/20, 08:29 | POLÍTICA - Em 2010, Flávio Bolsonaro doou R$ 733 mil em dinheiro vivo para a mãe
26/09/20, 08:24 | ESPORTE - STJD confirma Palmeiras x Flamengo; jogo vai acontecer neste domingo (27)
23/09/20, 16:10 | CORONAVAC - Dados mostram segurança da vacina contra Covid-19 testada no DF
23/09/20, 16:06 | POLÍTICA - Família Bolsonaro doou dinheiro vivo entre si para campanhas eleitorais
23/09/20, 15:53 | INVESTIGAÇÃO - Carlos Bolsonaro adquiriu imóvel por R$ 150 mil em dinheiro vivo aos 20 anos
23/09/20, 14:58 | TRAGÉDIA - Mortes por síndrome respiratória cresceram 3.644% com a pandemia de covid-19
23/09/20, 14:53 | PANDEMIA - Covid-19: Ministério da Saúde endossa retorno de torcidas aos estádios
23/09/20, 14:45 | AUXÍLIO - Agricultores pressionam Congresso por derrubada de vetos de Bolsonaro
23/09/20, 14:04 | ECONOMIA & POLÍTICA - IBGE: 2,9 milhões perderam emprego entre maio e agosto
23/09/20, 11:39 | POLÍTICA - Bolsonaro mentiu na ONU sobre aumento de investimento estrangeiro
23/09/20, 11:35 | POLÍTICA - Maioria das queimadas na Amazônia foram em fazendas
23/09/20, 11:31 | ECONOMIA - Pandemia reduz em um décimo renda mundial obtida com trabalho, diz OIT
23/09/20, 10:19 | PANDEMIA - DF ultrapassa RJ e lidera taxa de mortes por covid-19
23/09/20, 10:14 | BENEFÍCIO - Caixa paga auxílio de R$ 300 para beneficiários do Bolsa Família
23/09/20, 10:04 | EDUCAÇÃO - Enem: estudantes tem até 1º de outubro para inserir foto no cadastro
23/09/20, 09:55 | ARTIGO - Discurso de Bolsonaro na ONU foi primor de cinismo
23/09/20, 09:39 | ARTIGO - Um farsante nas Nações Unidas
23/09/20, 09:33 | ARTIGO - Eu quero me mudar para o país descrito por Bolsonaro, na ONU
23/09/20, 05:58 | POLÍTICA - Eleições 2020: Prazo para envio de candidaturas aos cartórios eleitorais e internet termina neste sábado (26)
23/09/20, 05:52 | POLÍTICA - Mais de 100 deputados federais assinam manifesto contra corte de R$ 1,8 bi no orçamento do MEC para 2021
22/09/20, 22:42 | INTERNACIONAL - Após discurso fracassado de Bolsonaro, ONU convida Lula para debater 'Educação e as Sociedades Que Queremos'
22/09/20, 22:17 | POLÍTICA - “O povo quer saber”: Carro de som percorre ruas de BH expondo “crimes” de Bolsonaro
22/09/20, 18:22 | POLÍTICA - Lula escreve 'discurso' para ONU e culpa Bolsonaro por mortes do coronavírus
22/09/20, 16:07 | TRAGÉDIA AMBIENTAL - As imagens da luta dos animais pela vida no Pantanal em chamas
22/09/20, 15:57 | POLÍTICA - “Bolsonaro mentiroso” quebra Twitter depois de fala na ONU
22/09/20, 14:21 | ONU - Oposição diz que discurso de Bolsonaro foi “vergonhoso”; governistas elogiam
22/09/20, 13:57 | INVESTIGAÇÃO - Fogo no Pantanal mato-grossense começou em fazendas de pecuaristas que fornecem para gigantes do agronegócio
22/09/20, 10:31 | PANDEMIA - Governo federal tem pelo menos 1.423 servidores contaminados com covid-19
22/09/20, 10:29 | POLÍTICA - “Família Bolsonaro se elege com ajuda das milícias”, diz Gabeira
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site