CBN - A rádio que toca notícia

EDUCAÇÃO

Censo mostra que ensino a distância ganha espaço no ensino superior

Considerando apenas a rede privada, onde estão matriculados 76% do total de estudantes do ensino superior, a opção pela EaD foi ainda maior entre os calouros, chegando a pouco mais da metade dos alunos, 50,8%

23/10/20, 19:08

O
Censo da Educação Superior de 2019, divulgado hoje (23) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), aponta que quatro a cada dez calouros no ensino superior optaram por se matricular em cursos de graduação a distância. O levantamento mostra que a educação a distância (EaD) tem ganhado cada vez mais espaço na educação superior, enquanto o ensino presencial tem reduzido as matrículas ano a ano.

Em 2009, as matrículas dos calouros em EaD representavam 16,1% do total. Em 2018, elas representavam 39,8% do total de estudantes que ingressaram nas instituições de ensino superior. No ano passado, eram 43,8%, o que equivale a cerca de 1,6 milhão do total de 3,6 milhões de novos estudantes. 

Considerando apenas a rede privada, onde estão matriculados 76% do total de estudantes do ensino superior, a opção pela EaD foi ainda maior entre os calouros, chegando a pouco mais da metade dos alunos, 50,8%.  

Já o ensino presencial teve redução. Passou de 60,1% das matrículas dos calouros em 2018 para 56,2%, em 2019. Em 2020, com a pandemia do novo coronavírus (covid-19), o número de ingressantes em EaD deve aumentar ainda mais, de acordo com o presidente do Inep, Alexandre Lopes. 

Os dados de 2020 serão divulgados apenas no ano que vem. 

“Eu acho que a pandemia vai acelerar essa tendência de migração para o ensino a distância ou ensino híbrido [com aulas presenciais e remotas]. Isso serve também como um ponto de alerta, como um ponto de observação, para o Ministério da Educação como um órgão regulador”, disse.

Diferenças 

Os resultados das avaliações do ensino superior divulgados na terça-feira (20) mostram que os estudantes que se formam em cursos a distância têm desempenho inferior aos estudantes dos cursos presenciais. Mostram também que o perfil desses estudantes é diferente. A maioria dos estudantes de EaD, por exemplo, trabalha, enquanto os de cursos presenciais, não. 

“Os resultados têm sido próximos. Não dá para dizer que o curso é melhor ou pior. Também tem que explorar um pouco mais os resultados porque são realidades diferentes”, disse Lopes. “Em relação a qualidade, não dá para afirmar que o curso EaD seja de menor qualidade”, acrescenta. 

Matrículas

Segundo o censo, o número total de estudantes matriculados no ensino superior no Brasil segue aumentando. Ao todo, 8,6 milhões de estudantes estão matriculados no ensino superior no Brasil. Em 2018, eram 8,4 milhões. A maior parte, 6,5 milhões, o equivalente a 76%, está matriculada em instituições privadas. 

Considerando todas as matrículas, não apenas os calouros, a EaD, com 2,4 milhões de estudantes, representa 28,4% do ensino superior no Brasil. Já a educação presencial, 71,6%, com 6,2 milhões.  

Formação de professores

O censo aponta que um a cada cinco estudantes matriculados no ensino superior está em curso de licenciatura, o que possibilita que atue posteriormente como professor. A maior parte desses futuros profissionais, 53,3%, está sendo formada a distância, em cursos EaD. As instituições particulares concentram a maior parte das matrículas desses alunos, 64%. Nessas instituições, a maioria, 73,5%, faz cursos EaD. 

Pedagogia lidera a porcentagem de matrículas, com 48,3% dos futuros professores. Em seguida, estão educação física, com 9,1%; matemática, com 5,7%, e história, com 5,3%. 

“Os resultados ressaltam a responsabilidade da educação superior em formar os docentes que atuarão na educação básica [etapa que vai do ensino infantil ao ensino médio]”, disse o ministro da Educação, Milton Ribeiro. 

“Essa conexão entre as duas etapas de ensino se dá por meio do professor capacitado pela educação superior para ser o elemento central do desenvolvimento da educação básica. O professor é o grande protagonista da educação no Brasil”, ressalta o ministro. 

Desistências 

O Censo da Educação Superior mostrou que mais da metade dos estudantes, 59%, que ingressam no ensino superior em 2010 desistiram antes de terminar os estudos. Essa taxa foi um pouco maior, 63%, quando considerados apenas os cursos a distância. 

Entre os futuros professores, as desistências daqueles que ingressaram em 2010 também são altas. Chegam a 75% dos estudantes que se formariam para lecionar física, por exemplo. 

De acordo com o secretário de Educação Superior do MEC, Wagner Vilas Boas, a pasta está, em parceria com instituições de ensino, desenvolvendo formas de prever as evasões e evitar que elas aconteçam. O projeto será inicialmente implementado em instituições federais, mas será disponibilizado também às particulares. 

A pasta aposta ainda na implementação do novo ensino médio, que vai permitir aos estudantes escolher trajetórias para aprofundar a formação. Isso fará com que conheçam melhor as áreas de estudo antes de optarem por um curso superior.  

Metas

De acordo com o Plano Nacional de Educação (PNE), o Brasil precisa, até 2024, ampliar as matrículas, fazendo com que mais pessoas tenham acesso ao ensino superior no país. De acordo com o PNE, até 2024 a taxa bruta de matrícula na educação superior deve ser 50% e a taxa líquida, 33%, da população de 18 a 24 anos de idade. Atualmente, essas taxas são, respectivamente, 37,4% e 25,5%. 

“Na minha visão, o PNE é um sonho, um objetivo, que colocamos lá em cima, nas estrelas, mas temos um foco para buscar os parâmetros do PNE, e o Ministério da Educação está envolvido de corpo e alma nessa busca”, disse o ministro Milton Ribeiro. 

“Com mais escolaridade faremos essa transformação econômica e social tão cara ao nosso país”.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
25/11/20, 15:10 | LUTO - “Espero que possamos jogar bola juntos no céu”, diz Pelé sobre Maradona
25/11/20, 15:03 | LUTO - Maradona tinha tatuagens de Che e Fidel e se disse “soldado” de Lula e Dilma
25/11/20, 14:48 | ESPORTE - Neymar e Alisson são finalistas do prêmio Fifa The Best
25/11/20, 14:28 | LUTO - Morre Diego Maradona, aos 60 anos, após parada cardiorrespiratória
25/11/20, 11:14 | ECONOMIA - Black Friday: veja as dicas para não ser enganado
25/11/20, 11:08 | POLÍTICA - Revista Veja frita ministro Paulo Guedes: 'mentiroso' e 'medíocre'
25/11/20, 11:03 | PANDEMIA - Mundo tem pela primeira vez mais de 12 mil mortes por Covid-19 em um único dia
25/11/20, 10:52 | ECONOMIA - ‘Pergunta para o vírus’, diz Bolsonaro sobre chance de prorrogar auxílio
25/11/20, 10:50 | POLÍTICA - Explodem homicídios e tentativas de assassinato contra candidatos
24/11/20, 16:44 | POLÍTICA - TSE aponta 64 mil beneficiários do auxílio emergencial como doadores de campanhas eleitorais
24/11/20, 15:46 | PESQUISA - Datafolha em SP: Bruno Covas tem 48% e Guilherme Boulos, 40%
24/11/20, 15:25 | POLÍTICA - Percentual de prefeitos eleitos sem coligação quintuplica em 2020
24/11/20, 15:19 | PANDEMIA - Taxa de transmissão do novo coronavírus volta a crescer no Brasil
24/11/20, 15:15 | SAÚDE - Pazuello é convidado a dar explicações no Congresso sobre os 6,8 milhões de testes encalhados
24/11/20, 15:11 | POLÍTICA - Mulheres são maioria no eleitorado de cidades que terão segundo turno
24/11/20, 12:54 | INTERNACIONAL - Parlamento Europeu quer tirar 700 mil sem-teto das ruas até 2030
24/11/20, 12:51 | BENEFÍCIO - Caixa credita auxílio, dos ciclos 3 e 4, para os nascidos em junho
24/11/20, 12:49 | EDUCAÇÃO - Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem
23/11/20, 20:46 | POLÍTICA - Senado pode endurecer lei contra “seguranças” racistas
23/11/20, 15:51 | BENEFÍCIO - Caixa credita auxílio emergencial para nascidos em fevereiro
23/11/20, 15:47 | POLÍTICA - Barroso diz que milícias digitais são a versão contemporânea do autoritarismo
23/11/20, 15:36 | PANDEMIA - Testes de covid comprados pelo Ministério da Saúde já estão vencidos e prejuízo pode chegar a R$ 290 milhões
23/11/20, 15:33 | DECISÃO - Carrefour é condenado a indenizar casal homossexual agredido por seguranças em 2016
23/11/20, 08:04 | VÍDEO - Investigação encontra hackers de Bolsonaro: Esquema desvendado
23/11/20, 08:01 | VÍDEO - Mídia, Governo Bolsonaro e economia se unem contra negros!
23/11/20, 07:58 | VÍDEO - JORNAL LUZILÂNDIA PLAY: O racismo cordial de Bolsonaro
23/11/20, 07:07 | POLÍTICA - Governo Bolsonaro é denunciado na Comissão Interamericana por apagão no Amapá
23/11/20, 07:01 | POLÍTICA - Doria diz que eleição de Bolsonaro foi "erro" e afirma que não irá disputar a reeleição em 2022
23/11/20, 06:59 | PANDEMIA - Especial Covid-19: afinal, o Brasil já está passando pela segunda onda da doença?
22/11/20, 21:15 | POLÍTICA - Movimento antirracista pode derrotar a direita no segundo tuno, diz Paraná Pesquisas
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site