CBN - A rádio que toca notícia

PANDEMIA

Bolsonaro deixa estragar 6,8 milhões de testes da Covid-19

São testes RT-PCR, dos mais eficazes, que consiste na coleta de secreção no nariz e na garganta por meio de um cotonete. Em laboratórios particulares custa de R$ 290 a R$ 400

22/11/20, 21:10

O
governo de Jair Bolsonaro está deixando vencer 6,8 milhões de testes para diagnóstico da covid-19.

Todos esses testes, que poderiam ter evitado que o Brasil chegasse a 170 mil mortos, estão estocados em um armazém do governo federal em Guarulhos.

A quantidade de testes que perde a validade em dezembro e janeiro é bem maior do que os 5 milhões de testes que o SUS realizou em nove meses de pandemia. O prejuízo com os testes que irão para o lixo é de R$ 290 milhões. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

São testes RT-PCR, dos mais eficazes, que consiste na coleta de secreção no nariz e na garganta por meio de um cotonete. Em laboratórios particulares custa de R$ 290 a R$ 400.

O Ministério da Saúde alega que sua responsabilidade é comprar os testes de covid-19. E que a distribuição é feita mediante pedido dos governadores e prefeitos. Os gestores, por sua vez, alegam que o governo entregou kits incompletos.

Os dados sobre o prazo de validade, de conhecimento do Ministério da Saúde, indicam que 96% dos 7,15 milhões dos exames encalhados vencem em dezembro e janeiro. O restante até março. E que a pasta comandada pelo general Eduardo Pazuello já pediu ao fabricante análise para prorrogar a validade dos produtos.

O Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Conasems) e Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) afirmam que o ministério não entregou todos os kits de testes de covid-19 e máquinas para automatizar a análise das amostras que havia prometido.

“O contrato que permitia o fornecimento de insumos e equipamentos necessários para automatizar e agilizar a primeira fase do processamento das amostras foi cancelado pelo Ministério da Saúde”, disse o Conass.

“Há o compromisso da pasta de manter o abastecimento durante o período de três meses, contados a partir do cancelamento. É fundamental, porém, que uma nova contratação seja feita e a distribuição dos insumos seja retomada em tempo hábil”.

Já a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não detalhou como a validade do produto pode ser renovada. Limitou-se a informar que a entrega de testes vencidos é uma infração sanitária.

O Ministério da Saúde disse que a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) está realizando estudo “para verificar a estabilidade de utilização dos testes” e que vai distribuir os exames a partir de demandas dos Estados.

Desde que Pazuello assumiu o Ministério da Saúde, a pasta deixou de fazer campanhas educativas sobre as medidas para prevenção do contágio pelo Coronavírus. E o governo Bolsonaro, por sua vez, segue firme em negar a gravidade da doença e da pandemia.

As informações são do Estadão e Rede Brasil Atual

Fonte: JL/Esmael Morais
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
21/01/21, 15:41 | PANDEMIA - Prefeitura do Rio de Janeiro cancela o Carnaval em julho de 2021
21/01/21, 15:34 | PANDEMIA - Crise em Manaus: médicos são obrigados a decidir quem vive e quem morre
21/01/21, 15:32 | PANDEMIA - Índia promete enviar vacina contra Covid-19 para o Brasil nesta sexta-feira
21/01/21, 14:59 | DANOS - Eduardo Bolsonaro é condenado a indenizar jornalista da Folha de S.Paulo
21/01/21, 14:55 | PESQUISA - População considera Bolsonaro o maior culpado pelo atraso das vacinas, segundo Paraná Pesquisa
21/01/21, 14:52 | PANDEMIA - Após gêmeas milionárias, filho de ex-deputado bolsonarista de Manaus recém-formado também toma vacina
21/01/21, 14:49 | JUDICIÁRIO - Lewandowski nega decisão liminar para afastar Pazuello da Saúde
21/01/21, 14:45 | EDUCAÇÃO - Matemática e ciências da natureza são temas do Maratona Enem
21/01/21, 14:42 | PANDEMIA - Manaus aguarda definição de grupos prioritários para retomar vacinação
20/01/21, 20:02 | PANDEMIA - Covid-19: Brasil registra 1.340 mortes nas últimas 24h, maior número em 5 meses
20/01/21, 17:00 | INTERNACIONAL - Ex-presidentes, Obama, Bush e Clinton comparecem à posse de Joe Biden
20/01/21, 16:57 | POLÍTICA - Aliados de Bolsonaro dizem que falta de vacina cairá na conta dele
20/01/21, 16:55 | INTERNACIONAL - Biden vai interromper obras do “muro da vergonha” no México
20/01/21, 16:29 | PANDEMIA - Não há escassez de oxigênio no Pará, diz governador Helder Barbalho
20/01/21, 16:23 | JUDICIÁRIO - Lewandowski dá 72 horas para Anvisa informar sobre análise da Sputnik
20/01/21, 16:21 | PANDEMIA - STJ dá 48h para autoridades do Amazonas se explicarem sobre oxigênio
20/01/21, 16:12 | INTERNACIONAL - Joe Biden toma posse como 46º presidente dos Estados Unidos
20/01/21, 06:55 | PANDEMIA - Pacientes de Manaus fogem de hospital e pedem para “morrer em casa”
19/01/21, 15:13 | PANDEMIA - Mais Médicos vai contratar 72 profissionais para atuar em Manaus
19/01/21, 15:07 | PANDEMIA - Vacinação contra a covid-19 já teve início em quase todo o país
19/01/21, 14:49 | CHUVAS - Governo federal reconhece situação de emergência em 9 municípios
19/01/21, 11:32 | PANDEMIA - Teresina irá imunizar mais de 11 mil pessoas nesta primeira fase
19/01/21, 11:09 | PANDEMIA - Rússia anuncia que sua segunda vacina contra o coronavírus é 100% eficaz
19/01/21, 11:02 | PANDEMIA - Jornal Nacional desmente Pazuello e exibe live em que ministro defende “tratamento precoce”
19/01/21, 10:54 | PANDEMIA - Por falhas de logística, Pazuello deixa 11 estados sem vacina no primeiro dia de imunização
19/01/21, 10:32 | PANDEMIA - “Nova Covid” está mais grave, letal e rápida entre jovens, afirmam médicos do AM
18/01/21, 15:01 | POLÍTICA - Ex-presidente do STF, Ayres Britto defende impeachment de Bolsonaro
18/01/21, 14:52 | PANDEMIA - Após Manaus, cidades do Pará também entram em colapso por falta de oxigênio
18/01/21, 14:29 | PANDEMIA - Site do governo de SP registra 500 mil pessoas pré-cadastradas para vacina
18/01/21, 14:26 | PANDEMIA - Governo Bolsonaro sabia de colapso na saúde em Manaus 10 dias antes de faltar oxigênio
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site