CBN - A rádio que toca notícia

PANDEMIA

CONTAMINAÇÃO: Palácio do Planalto tem surto de covid

Apenas em dezembro, foram registrados 50 novos casos, uma alta que não era vista desde agosto, quando foram diagnosticados 60 casos. O mês com as maiores notificações da doença foi julho, com 114 infecções

09/01/21, 15:38

O
número de casos de Covid-19 cresceram 212% entre outubro e dezembro entre servidores do Palácio do Planalto. De acordo com dados da Secretaria-Geral da Presidência, desde o início da pandemia até o fim de 2021, foram registrados 418 casos. Não houve óbitos decorrentes da doença.

Atualmente, a Presidência da República conta com cerca de 3,5 mil servidores. Desses, 33% estavam em trabalho remoto até dezembro do ano passado.

Apenas em dezembro, foram registrados 50 novos casos, uma alta que não era vista desde agosto, quando foram diagnosticados 60 casos. O mês com as maiores notificações da doença foi julho, com 114 infecções.

Abaixo, veja relação de casos de Covid-19 registrados no Planalto por mês:

Março: 22
Abril: 2
Maio: 18
Junho: 49
Julho: 114
Agosto: 60
Setembro: 39
Outubro: 16
Novembro: 48
Dezembro: 50

Em nota, a Secretaria-Geral afirmou que, desde o início da pandemia, “adotou medidas para garantir a segurança dos frequentadores do Palácio do Planalto, diminuindo drasticamente o fluxo e trânsito de pessoas no local”.

“Ainda em março de 2020, foram tomadas providências que culminaram em inovações tecnológicas dos protocolos de limpeza. Passou-se a fazer a desinfecção das áreas comuns com máquinas de alta tecnologia, limpeza detalhada de equipamentos dos servidores (computadores, teclados, telefones, etc) e ampliação do fornecimento de dispenser de álcool em gel em suas dependências, anexos e adjacências”, informou a pasta.

Como o Metrópoles revelou, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ampliou o número de eventos públicos no Palácio do Planalto, ainda em 2020, em meio ao avanço da segunda onda da doença no país.

De acordo com levantamento realizado pela reportagem, com base na agenda presidencial, as cerimônias palacianas quase dobraram se comparados o primeiro e o terceiro trimestre da pandemia.

Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou a pandemia do novo coronavírus, em 11 de março, até 18 de dezembro de 2020 – data em que Bolsonaro encerrou os compromissos oficiais – foram realizados 44 eventos no Planalto. Desses, apenas 10 tiveram relação com a pandemia.

Na maioria das cerimônias, nem o presidente nem parte dos convidados fizeram o uso da máscara, como recomendam as autoridades sanitárias do Brasil e do mundo.

No primeiro trimestre da pandemia, Bolsonaro realizou 11 eventos públicos no Planalto, entre eles a posse do então segundo ministro da Saúde da administração Bolsonaro, Nelson Teich, e a prorrogação do auxílio emergencial.

Já no segundo trimestre, entre julho e setembro, foram registradas 14 cerimônias. Entre elas:

1. assinatura de medida provisória para viabilizar a destinação de R$ 1,9 bilhão para produção da vacina de Oxford contra a Covid-19;

2. evento “Brasil vencendo a Covid-19”. Na época, o Brasil registrava mais de 3,6 milhões de casos, com 114 mil mortes;

3. assinatura de medida provisória que facilitam o acesso ao crédito em meio à pandemia; e

4. posse do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

Por fim, no terceiro trimestre da pandemia, foram realizados 19 eventos, quase o dobro em relação ao primeiro trimestre. Entre eles:

1. lançamento do programa “Genomas Brasil”, que tem o objetivo de sequenciar genes de portadores de doenças como a Covid-19;

2. cerimônia para anunciar que um vermífugo tinha eficácia contra a Covid-19. Na cerimônia, o governo não apresentou dados completos e usou um gráfico idêntico ao de um banco de imagens;

3. cerimônia para incentivar a retomada do setor de Turismo em meio à pandemia; e

4. lançamento do plano nacional de operacionalização da vacinação contra a Covid-19.

Questionados sobre o aumento das cerimônias, nas quais ocorrem aglomerações, o distanciamento social não é cumprido e parte dos convidados não usam máscara, o Ministério da Saúde e o Palácio do Planalto não se manifestaram.

Fonte: JL/Metrópoles
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
27/01/21, 15:38 | POLÍTICA - Ex-ministros do Meio Ambiente pedem ajuda de países europeus à Amazônia
27/01/21, 11:15 | PANDEMIA - Surto de covid: dez jogadores do Corinthians testam positivo
27/01/21, 11:11 | POLÍTICA - Professores de Direito obtêm 700 assinaturas pelo impeachment de Bolsonaro
27/01/21, 11:06 | CRIME - Ministério Público investiga Pazuello por improbidade administrativa em caos sanitário no Amazonas
27/01/21, 11:02 | DENÚNCIA - Empresa que faturou R$ 37 milhões com governo Bolsonaro nega venda milionária de leite condensado
26/01/21, 21:26 | PANDEMIA - Coronavírus infectou mais de 100 milhões de pessoas no mundo
26/01/21, 21:20 | POLÍTICA - Cristãos pedem impeachment e Bolsonaro levanta quadro de Jesus Cristo com deboche
26/01/21, 20:37 | ECONOMIA - Gasolina sobe outra vez e só neste ano de 2021 acumula 13,4% de aumento
26/01/21, 20:30 | POLÍTICA - Ameaça de impeachment faz Bolsonaro defender vacinação
26/01/21, 15:17 | PANDEMIA - Após desestimular a vacinação, Bolsonaro agora diz que ela ajudará economia
26/01/21, 15:09 | ECONOMIA - Petrobras sobe preço da gasolina pela 2ª vez este ano; diesel também aumenta
26/01/21, 14:59 | DENÚNCIA - Mais de R$ 1,8 bilhão em compras: “carrinho” do governo federal tem de sagu a chicletes
26/01/21, 14:55 | SAÚDE - OMS emite nova diretriz para tratamento de pacientes de covid-19
26/01/21, 14:43 | POLÍTICA - Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
26/01/21, 07:55 | ANIVERSÁRIO - Jornal Luzilândia completa 15 anos de fundação neste 26 de janeiro de 2021
25/01/21, 17:20 | PANDEMIA - São Paulo inaugura memorial em homenagem às vítimas da covid-19
25/01/21, 17:16 | POLÍTICA - “Presidentes foram desrespeitosamente presos por menos”, diz Kalil sobre gestão de Bolsonaro durante pandemia
25/01/21, 17:10 | ACIDENTE - Acidente com ônibus causa 14 mortes e deixa 32 feridos em rodovia do Paraná
25/01/21, 16:54 | INTERNACIONAL - Jornal francês Le Monde destaca participação inédita de eleitores de Bolsonaro nas manifestações por impeachment
24/01/21, 20:19 | POLÍTICA - Movimentos de direita fazem carreatas contra Bolsonaro em São Paulo e Rio
24/01/21, 20:15 | PANDEMIA - Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca
24/01/21, 20:09 | ESPORTE - Flamengo perde para Athletico-PR; Internacional dispara na liderança
24/01/21, 20:07 | EDUCAÇÃO - TV Brasil: professores fazem correção da prova ao vivo no Caiu no Enem
24/01/21, 19:57 | POLÍTICA - Carreatas contra Bolsonaro aconteceram em todas as capitais do Brasil; confira
24/01/21, 19:52 | LUTO - Pelé lamenta acidente aéreo do Palmas FR: “domingo triste para o futebol brasileiro”
24/01/21, 19:46 | PANDEMIA - Enfermeira bolsonarista que tomou vacina “para viajar” será investigada e pode perder registro
24/01/21, 19:27 | PESQUISA - 53,6% já defendem o impeachment de Bolsonaro, aponta Atlas Político
23/01/21, 19:30 | POLÍTICA - Governo Bolsonaro pode ser responsabilizado por mortes da covid, dizem médicos e cientistas
23/01/21, 19:18 | POLÍTICA - Bolsonaro tem três dias para explicar à Justiça acusações de fraudes nas eleições de 2018
23/01/21, 18:32 | PANDEMIA - Prefeito de Porto Velho diz que cidade está próxima de viver “tragédia humanitária” e cita Manaus
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site