CBN - A rádio que toca notícia

PANDEMIA

Campanha publicitária de vacinação deve custar R$ 50 milhões e durar 6 meses

A contratação da agência é feita diretamente pela pasta e não há data-limite para a escolha. Sairá “em breve”, disse o ministério. A etapa atual é o processo de concorrência, quando as agências apresentam propostas, e o contratante, no caso, o governo, avalia a mais eficiente. Eis as empresas concorrentes: CC&P, Calia, Fields e nova/sb

12/01/21, 07:29

O
governo federal veiculará anúncios nos meios de comunicação para divulgar a campanha de vacinação contra a covid-19. O ministro Eduardo Pazuello (Saúde) tem dito que, no cenário mais otimista, a vacinação começará no Brasil em 20 de janeiro. Essa é a mesma data prevista pela pasta para o início da campanha publicitária.

O custo estimado pelo governo é de R$ 50 milhões, informou o Ministério da Saúde ao Poder360. Com esse valor, as peças deverão ser exibidas durante 6 meses nos meios de comunicação, mas essa é uma previsão inicial. A programação será ajustada conforme o cronograma de operacionalização de vacinas, estipulado pelo PNI (Plano Nacional de Imunização).

A contratação da agência é feita diretamente pela pasta e não há data-limite para a escolha. Sairá “em breve”, disse o ministério. A etapa atual é o processo de concorrência, quando as agências apresentam propostas, e o contratante, no caso, o governo, avalia a mais eficiente. Eis as empresas concorrentes: CC&PCaliaFieldsnova/sb.

O governo também não definiu em quais plataformas serão veiculadas as propagandas, se em mídias sociais, na televisão, em banners, no rádio e/ou em sites. Essas informações, diz o ministério, serão consolidadas depois que a empresa vencedora for escolhida e posteriormente à aprovação do “plano de mídia” pela Secom (Secretaria de Comunicação) da Presidência da República.

A campanha publicitária da vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das maiores do governo Bolsonaro, em duração e em orçamento. A divulgação do pacote anticrime, defendido pelo ex-ministro Sergio Moro, teve um custo total de R$ 10 milhões. Já a 2ª fase da campanha publicitária sobre a reforma da Previdência custou R$ 37 milhões.

À época, as peças que divulgavam a reforma foram exibidas de maio de 2019 a julho do mesmo ano, em TV, rádio, aeroportos, rodoviárias, estações de metrô, redes sociais e páginas da internet. A agência de publicidade responsável pela campanha foi a Artplan, mesma contemplada do pacote anticrime.

Bolsonaro

Ao mesmo tempo que o ministério concentra esforços para elaborar a campanha de vacinação, o presidente Jair Bolsonaro faz declarações em sentido contrário à conscientização pela vacinação. Diz que o imunizante será garantido a quem quiser, mas questiona a eficácia das vacinas e diz que nao será vacinado.

Em um dos discursos mais recentes, o presidente disse que, pelo que sabia, menos da metade da população tomaria vacina. O chefe do Executivo afirmou a apoiadores em 7 de janeiro que a informação era baseada em uma pesquisa feita por ele “na praia e em tudo quanto é lugar”.

Vocês sabem quantos por cento da população vai tomar vacina? Pelo o que eu sei, menos da metade vai tomar”, disse o presidente. “Mas, para quem quiser, vai chegar em janeiro. Devem chegar 2 milhões de doses agora em janeiro, e o pessoal pode tomar, sem problema nenhum”, acrescentou.

Pesquisa PoderData divulgada no mesmo dia (7.jan) mostrou que 75% dos brasileiros pretendem tomar alguma vacina desenvolvida contra a covid-19. Os que rejeitam a vacinação para prevenir a contaminação pelo coronavírus somam 16%. Outros 9% não sabem ou preferiram não responder.

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, disse na 2ª feira (11.jan) que tomará a vacina contra a covid-19 assim que for disponibilizada, sem “furar a fila.

A vacina é para o país como um todo. É uma questão coletiva, não é individual. O indivíduo está subordinado ao coletivo nesse caso”, disse.

Fonte: JL/PODER 360
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
27/01/21, 17:01 | INVESTIGAÇÃO - Exclusivo: Padaria que vendeu mais de R$ 8 milhões de bombons ao governo Bolsonaro tem contratos com Exército
27/01/21, 16:21 | GERAL - Governo convoca 96 profissionais aprovados em concurso para Polícia Civil
27/01/21, 16:04 | ECONOMIA - Sentimento de “traição” com aumento do diesel impulsiona greve dos caminhoneiros
27/01/21, 15:57 | ECONOMIA - “Apelamos a caminhoneiros que não façam greve”, diz Bolsonaro
27/01/21, 15:41 | POLÍTICA - Deputado bolsonarista Daniel Silveira é retirado de voo por não usar máscara
27/01/21, 15:38 | POLÍTICA - Ex-ministros do Meio Ambiente pedem ajuda de países europeus à Amazônia
27/01/21, 11:15 | PANDEMIA - Surto de covid: dez jogadores do Corinthians testam positivo
27/01/21, 11:11 | POLÍTICA - Professores de Direito obtêm 700 assinaturas pelo impeachment de Bolsonaro
27/01/21, 11:06 | CRIME - Ministério Público investiga Pazuello por improbidade administrativa em caos sanitário no Amazonas
27/01/21, 11:02 | DENÚNCIA - Empresa que faturou R$ 37 milhões com governo Bolsonaro nega venda milionária de leite condensado
26/01/21, 21:26 | PANDEMIA - Coronavírus infectou mais de 100 milhões de pessoas no mundo
26/01/21, 21:20 | POLÍTICA - Cristãos pedem impeachment e Bolsonaro levanta quadro de Jesus Cristo com deboche
26/01/21, 20:37 | ECONOMIA - Gasolina sobe outra vez e só neste ano de 2021 acumula 13,4% de aumento
26/01/21, 20:30 | POLÍTICA - Ameaça de impeachment faz Bolsonaro defender vacinação
26/01/21, 15:17 | PANDEMIA - Após desestimular a vacinação, Bolsonaro agora diz que ela ajudará economia
26/01/21, 15:09 | ECONOMIA - Petrobras sobe preço da gasolina pela 2ª vez este ano; diesel também aumenta
26/01/21, 14:59 | DENÚNCIA - Mais de R$ 1,8 bilhão em compras: “carrinho” do governo federal tem de sagu a chicletes
26/01/21, 14:55 | SAÚDE - OMS emite nova diretriz para tratamento de pacientes de covid-19
26/01/21, 14:43 | POLÍTICA - Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
26/01/21, 07:55 | ANIVERSÁRIO - Jornal Luzilândia completa 15 anos de fundação neste 26 de janeiro de 2021
25/01/21, 17:20 | PANDEMIA - São Paulo inaugura memorial em homenagem às vítimas da covid-19
25/01/21, 17:16 | POLÍTICA - “Presidentes foram desrespeitosamente presos por menos”, diz Kalil sobre gestão de Bolsonaro durante pandemia
25/01/21, 17:10 | ACIDENTE - Acidente com ônibus causa 14 mortes e deixa 32 feridos em rodovia do Paraná
25/01/21, 16:54 | INTERNACIONAL - Jornal francês Le Monde destaca participação inédita de eleitores de Bolsonaro nas manifestações por impeachment
24/01/21, 20:19 | POLÍTICA - Movimentos de direita fazem carreatas contra Bolsonaro em São Paulo e Rio
24/01/21, 20:15 | PANDEMIA - Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca
24/01/21, 20:09 | ESPORTE - Flamengo perde para Athletico-PR; Internacional dispara na liderança
24/01/21, 20:07 | EDUCAÇÃO - TV Brasil: professores fazem correção da prova ao vivo no Caiu no Enem
24/01/21, 19:57 | POLÍTICA - Carreatas contra Bolsonaro aconteceram em todas as capitais do Brasil; confira
24/01/21, 19:52 | LUTO - Pelé lamenta acidente aéreo do Palmas FR: “domingo triste para o futebol brasileiro”
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site